Segunda-Feira, 18 de Dezembro de 2017

Cidades

Quinta-Feira, 07 de Dezembro de 2017, 11h:02

CUIABÁ

Semob libera meia pista da Trincheira Santa Rosa durante o dia

Ana Cláudia Fortes

Rafaella Zanol/ Secid-MT

A parte interna da trincheira Santa Rosa, localizada na avenida Miguel Sutil, em Cuiabá, está liberada desde a manhã da última quarta-feira (06). O bloqueio total foi feito no último dia vinte e nove para implantação de vigas, utilizadas na construção de lajes previstas no projeto.

A medida foi tomada pela empresa responsável pelos serviços, sob supervisão e orientação da Secretaria de Estado das Cidades (Secid-MT), com apoio e autorização da Secretaria de Mobilidade Urbana de Cuiabá (Semob), para garantir a segurança dos trabalhadores da obra e motoristas que precisam acessar a avenida.

Os condutores voltam a ter acesso a uma das pistas, em cada um dos sentidos da Miguel Sutil. Nessa etapa, os trabalhos estão sendo executados no período noturno, das 22h às 6h, fechando a trincheira completamente, nos dois sentidos, e deixando as marginais da Avenida Miguel Sutil livres para o tráfego. Após esse horário, o fluxo no local volta a funcionar parcialmente.

A obra

Com 520 metros de extensão, a Trincheira Santa Rosa teve sua construção iniciada em março de 2012, visando ser entregue em 2014, para a Copa do Mundo, com investimento de R$ 23,53 milhões. A edificação está recebendo os trabalhos de finalização da estrutura.

Os trabalhos para conclusão da trincheira iniciaram em setembro e desde o início de novembro a estrutura conta com interdição parcial na parte de baixo (mergulho) para garantir a colocação do escoramento metálico que dará suporte para a construção das lajes, que garantirá a implantação de acessibilidade (passarelas de pedestres) e paisagismo no local.

A obra contempla reparo nas paredes da trincheira, pavimentação e trabalhos complementares de acessibilidade e sinalização, que vão melhorar a trafegabilidade de pedestres e veículos. Entre os itens de acessibilidade previstos estão a instalação de faixa de pedestre, rampa para cadeirante, piso tátil e plataforma elevada. Também serão instaladas as sinalizações vertical e horizontal.

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO