Segunda-Feira, 16 de Julho de 2018

Cidades
Quarta-Feira, 10 de Janeiro de 2018, 08h:37

DISTRIBUIÇÃO DE LIVROS

Cuiabá comemora dia do leitor com evento na Orla do Porto

Secretaria de Educação vai distribuir 3 mil livros para incentivar a leitura e a busca pelo conhecimento

Redação

Jorge Pinho/SIC

Nos dias 11 e 12 de janeiro, das 16 às 21 horas, na Orla do Porto, a Secretaria Municipal de Educação e as Bibliotecas Saber com Sabor vão realizar o projeto Livro de Rua, em comemoração ao dia nacional do leitor. Na programação estão previstas várias atividades de incentivo à leitura, à busca do conhecimento, entretenimento, cultura e lazer para as crianças, jovens e adultos.

Durante o evento serão distribuídos cerca de 3 mil livros de diferentes gêneros e autores da literatura brasileira, estrangeira, infantil, infanto juvenil, contos e crônicas entre eles obras de Machado de Assis, Eça de Queiros, Paulo Coelho, Daniel Goldman, Sidnei Sheldon, Dan Brown e outros autores renomados.

A coordenadora das Bibliotecas Saber com Sabor, Edvair Pereira Alves conta que o projeto Livro de Rua é inspirado no conceito de bookcrossing, criado nos EUA no começo dos anos 2000, que defende a 'libertação' de livros para transformar o mundo em uma grande biblioteca. “O movimento busca quebrar o paradigma de uma biblioteca tradicional. Como diz o ditado, “livros não têm pernas” então, ao invés de ficarem pegando poeira em prateleiras, esquecidos, os exemplares são levados até aqueles que tenham interesse pela leitura”, explicou.

Segundo a coordenadora, o  acervo que será disponibilizado no evento é proveniente de doações da própria população e a ideia é atingir  o maior número de pessoas possíveis, que poderão levar os exemplares de sua preferência.

“Nossa intenção é que a população ‘liberte’ esses livros fazendo exatamente o que o nome diz, ou seja, após a sua leitura, o livro deverá ser ‘libertado’ novamente para que outros possam lê-lo. E essa libertação pode ser em alguma área pública como em padarias, igrejas, pontos de ônibus, parques e outros locais de grande circulação de pessoas”, disse a coordenadora.

A iniciativa, além de facilitar o acesso da população aos livros, visa também divulgar os espaços de leitura para a comunidade cuiabana. 

Dia do Leitor

O dia do  leitor foi criado em homenagem à fundação do jornal cearense “O Povo”, em 07 de janeiro de 1928, pelo poeta e jornalista Demócrito Rocha.

Neste jornal, que ficou conhecido por combater a corrupção e divulgar fatos políticos, existia um suplemento chamado “Maracajá” que se tornou um espaço de divulgação do movimento modernista literário cearense na época. As obras de Demócrito Rocha são de grande importância para a cultura regional. O autor pertenceu à Academia Cearense de Letras, enquanto era vivo.

“Esta é uma data dedicada às pessoas que são apaixonadas pela literatura e que amam os livros! Ninguém nasce sendo um leitor. O interesse pela literatura é algo que se desenvolve no ser humano através dos anos, a partir de influências positivas relacionadas ao ato de ler. O hábito da leitura é importante para exercitar as capacidades de comunicação, interpretação e de cognição das pessoas”, explicou Edvair Alves. 

Fique sabendo

Cuiabá possui seis bibliotecas ‘Saber com Sabor’ , uma biblioteca municipal, a Manoel Cavalcante e uma estadual a Estevão de Mendonça.

As bibliotecas ‘Saber com Sabor’ tem cadastrados 5 mil leitores ativos.

Em 2013 foram realizados  7.550 empréstimos e as unidades tiveram uma frequência de 46.706 pessoas.

Em 2017 as bibliotecas emprestaram 8.600 livros e a frequência atingiu os 39.470 pessoas.

Durante todo o período de férias escolares, as bibliotecas funcionam normalmente. Para saber mais sobre elas, endereços e horários de funcionamento consulte o link http://www.cuiaba.mt.gov.br/secretarias/educacao/bibliotecas-saber-com-sabor/, no site da Prefeitura de Cuiabá.

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO